ATIVIDADES EM DESTAQUE

A Rodoviária de BH recebeu, no último fim de semana, a “Mostra da Diversidade Cultural: Imagens da Cultura Popular”, realizada pela organização não governamental Favela É Isso Aí, em conjunto com a Secretaria Especial da Cultura do Ministério do Turismo e a MedSênior. A exposição veiculou, nos dias 24 e 25/7, apresentações de vários grupos de Minas Gerais, em painel de led instalado no hall principal do espaço.

Para todos verem: grande monitor de led exibe vídeo com apresentação artística no hall principal da Rodoviária, enquanto passageiros estão sentados nas cadeiras do Terminal, de frente para o painel (crédito da foto: Samira Penido – Espaço Ampliar/Favela é isso aí)

A gestora da Mostra, Clarice Libânio, salienta a importância de levar a exposição dos artistas das comunidades de Belo Horizonte para a Rodoviária, a fim de democratizar o acesso aos produtos da iniciativa. “Mostrar o projeto em um espaço onde passam tantas pessoas diariamente, como é o Terminal Rodoviário, para nós, é uma oportunidade, para que a nossa arte, a arte dos grupos que nós contemplamos seja levada aos transeuntes de Belo Horizonte, mas também de outras cidades de interior e outras capitais”, completa.

De acordo com a ONG Favela É Isso Aí, foram premiados 16 projetos culturais e socioculturais realizados por entidades, grupos, artistas, coletivos ou ações focadas na transmissão de saberes, ofícios e práticas culturais, das cidades de Belo Horizonte e Contagem. A Mostra busca fortalecer as manifestações culturais e o patrimônio imaterial de Minas Gerais.

Como registro da ação, será publicado e distribuído um livreto que reforça o caráter de valorização do patrimônio proposto pelo edital do Favela é Isso Aí. Desde 2018, a ONG vem realizando iniciativas semelhantes que destacam a diversidade da cultura popular brasileira, em editais direcionados a regiões como o Vale do Jequitinhonha e o Centro-Oeste de Minas Gerais, além de Feira de Santana, na Bahia.

A organização foi criada para a construção da cidadania mediante o apoio e a divulgação das ações de arte e cultura da periferia. A ONG também trabalha na geração de renda para artistas e na melhoria das condições do fazer artístico e do acesso ao mercado cultural, além de combater a discriminação contra moradores de vilas e favelas.

As edições anteriores da Mostra podem ser vistas na página do projeto www.favelaeissoai.com.br/mostra-diversidade-cultural. Os resultados da etapa virtual das iniciativas premiadas em 2020 são apresentados no canal da plataforma YouTube da ONG: www.youtube.com/user/favelaeissoai.



Voltar

A Companhia de Desenvolvimento de Minas Gerais (Codemge), atual gestora do Parque das Águas de Caxambu, esclarece que a coleta de águas minerais pela população nas fontes do Parque nunca foi ameaçada por qualquer ato de vontade da Codemge. Observando as cautelas sanitárias e questões de segurança, a Companhia sempre permitiu e continua a permitir que todos façam a coleta das águas minerais das fontes do Parque, de forma organizada e com delimitação de horários, a fim de permitir o bom funcionamento do empreendimento.

Dessa forma, a coleta de águas minerais nas fontes do Parque das Águas, realizada por munícipes e turistas, sempre foi e continua sendo garantida pela Codemge.



Voltar

O Conselho de Administração da Companhia aprovou alterações no Regimento Interno de Licitações e Contratos (RILC) durante reunião realizada nesta quarta-feira, 21 de julho de 2021. As modificações se referem ao tratamento normativo das alienações e à sistemática de desinvestimentos da empresa, detalhadas a seguir:

Do procedimento para desinvestimentos

Das regras específicas para alienações

Contribuições e comentários ao referido texto devem ser encaminhados para o endereço comunicacao@codemge.com.br até 6 de agosto de 2021. O participante deve se identificar com nome completo e telefone. 

Após o período de consulta, a Companhia divulgará, neste site, relatório contendo as contribuições recebidas, resguardando os dados dos participantes, e a versão final do RILC.



Voltar

Por meio da plataforma online, é possível consultar geodados de todos os imóveis da Codemge

O investidor interessado nos ativos da Companhia de Desenvolvimento de Minas Gerais (Codemge) no estado pode acessar informações sobre eles no Portal GeoCODEMGE (https://geo.codemge.com.br/.). Por meio da plataforma de geoprocessamento, disponível para o público em geral, a Companhia divulga informações geoespaciais de suas iniciativas e projetos. São dados sobre Distritos Industriais, balneários, hotéis, edifícios, terrenos, além de informações referentes a limites político-administrativos, hidrografia, direito minerário, infraestrutura, energia, conservação e outros.

O Portal GeoCODEMGE é um produto que reúne e disponibiliza toda a informação geoespacial produzida na Empresa, bem como conteúdos afins ao negócio gerados por outras instituições. Por meio da página, é possível, portanto, visualizar e consultar geodados de todos os imóveis da Companhia.

A pluralidade de informações é um reflexo da diversidade de atuação da Empresa e das possibilidades de Minas Gerais. A Codemge vem administrando diversos ativos e, nessa tarefa, recorre às aplicações de geoprocessamento para a organização espacial das informações, como subsídio à gestão fundiária e patrimonial, à tomada de decisões, aos cadastros diversos, entre outras. Esse portal é útil para todos aqueles que querem conhecer o potencial de Minas Gerais.

O que é geoprocessamento?

Geoprocessamento é o conjunto de procedimentos, técnicas, métodos e metodologias voltados para aquisição, armazenamento, modelagem, manipulação, análise e exibição de dados do mundo real, inter-relacionados com base no que lhes é comum: a localização geográfica. Negócios em que o componente espacial seja fator preponderante para operações, táticas e estratégias necessariamente desenvolvem aplicações em geoprocessamento.

Tecnologia e inovação

Existe uma quantidade considerável de informações produzidas pela Codemig e pela Codemge, ao longo de sua história, acerca de ativos do Estado de Minas Gerais. O Portal GeoCODEMGE, ao reunir e organizar essa gama de conhecimentos, oferece uma solução prática e simples para pesquisas e consultas.

O Portal constitui uma plataforma webgis – sistema para disponibilização e construção cartográfica que usa a internet. Ele busca levar a informação de ponta a ponta, ou seja, decodificá-la do especialista para o usuário final, de forma prática, facilitando a compreensão.

Os interessados em obter mais detalhes sobre os imóveis para fins de aquisição podem entrar em contato com a Gerência de Patrimônio pelo e-mail nataliapaoli@codemge.com.br.



Voltar

Sessão pública será realizada em 9 de setembro

A Companhia de Desenvolvimento de Minas Gerais (Codemge) abre processo de contratação de agência de propaganda para prestação de serviços de publicidade, por meio de licitação (Licitação Eletrônica nº 38/2021).

A licitação é aberta a todos os interessados, pessoas jurídicas do ramo pertinente ao objeto licitado, que atendam aos requisitos do edital e seus anexos, disponíveis no site www.codemge.com.br. A sessão pública está agendada para 9 de setembro, às 9h, pelo Portal de Compras do Estado de Minas Gerais: www.compras.mg.gov.br. O critério de julgamento das propostas será por melhor combinação de técnica e preço, com modo de disputa fechado.

Outras informações estão disponíveis no edital:

www.codemge.com.br/licitacoes/CODEMGE/115-21.

Codemge

A Codemge é uma empresa estatal, integrante da administração pública indireta do estado de Minas Gerais, organizada sob a forma de sociedade por ações. Tem como missão contribuir para o desenvolvimento de Minas Gerais, estimulando um ambiente de eficiência, simplificação e sustentabilidade, gerando valor para o estado. Integrante do Grupo Codemge, do qual a Codemig faz parte, a Companhia é responsável por diversos ativos econômicos, em várias frentes de atuação, enquanto a Codemig se dedica ao nióbio. 



Voltar

Em razão das medidas restritivas para conter o avanço dos casos de covid-19 em Poços de Caldas, a partir de 14/6, as Thermas Antônio Carlos passam a ter novos horários de funcionamento:
Segunda a sexta-feira – das 9h às 17h30
Sábado e domingo – fechadas



Voltar

Em 2021, a Rodoviária de BH registrou, no período do feriado de Corpus Christi (de quarta-feira, 2/6, a segunda-feira, 7/6), fluxo em torno de 74,6 mil pessoas passando pelo Terminal, entre embarques e desembarques. Esse volume representa cerca de 157% de crescimento na quantidade de passageiros verificada no mesmo feriado em 2020 (28.954 pessoas), quando a pandemia de covid-19 ocasionou redução superior a 82% do movimento em relação à Corpus Christi de 2019. Comparando-se os dados de 2019, quando não havia a pandemia de coronavírus, com o balanço final de 2021, o movimento de pessoas verificado no feriado de Corpus Christi neste ano ainda é expressivamente menor: cerca de 55% a menos do que o volume registrado no mesmo feriado de 2019, quando cerca de 165 mil passageiros transitaram pelo Terminal.

Houve 1.992 partidas (cerca de 82% a mais que em 2020 e de 49% a menos que em 2019) e 1.975 chegadas de ônibus (em torno de 130% a mais que em 2020 e de 49% a menos que em 2019), além de 38.048 passageiros embarcando (cerca de 126% a mais que em 2020 e de 55% a menos que em 2019) e 36.512 pessoas desembarcando (aproximadamente 202% a mais que em 2020 e 54% a menos que em 2019). Clique aqui para ter acesso ao detalhamento dos dados.

As cidades mais procuradas em outros estados este ano foram: Rio de Janeiro, Niterói, Cabo Frio, Macaé, Angra dos Reis, São Paulo, Campinas, São Bernardo do Campo, Guarapari, Anchieta, Serra, Vitória, Porto Seguro, Salvador e Brasília. Em Minas Gerais, os destinos mais buscados, foram: Conselheiro Lafaiete, Governador Valadares, Divinópolis, São João del-Rei, Teófilo Otoni, Viçosa, Raul Soares, Itabira, Montes Claros, Ipatinga e Juiz de Fora, além do Aeroporto de Confins.



Voltar

Em 2021, a expectativa de movimento na Rodoviária de BH no período do feriado de Corpus Christi é de que, no intervalo de seis dias (de quarta-feira, 2/6, a segunda-feira, 7/6), cerca de 75 mil pessoas passem pelo Terminal, entre embarques e desembarques. Esse volume representa 158% de crescimento na quantidade de passageiros verificada no mesmo feriado em 2020 (28.954 pessoas). Comparando-se os dados de 2019, quando não havia a pandemia de coronavírus, com a expectativa para 2021, o fluxo de pessoas esperado para o feriado de Corpus Christi neste ano ainda é significativamente menor: cerca de 55% a menos do que o volume registrado no mesmo feriado de 2019, quando quase 165 mil passageiros transitaram pelo Terminal.

A expectativa para 2021 é de que haja 2.048 partidas (cerca de 87% a mais que em 2020 e de 47% a menos que em 2019) e 1.916 chegadas de ônibus (em torno de 123% a mais que em 2020 e de 51% a menos que em 2019), além de 38.082 passageiros embarcando (perto de 126% a mais que em 2020 e de 55% a menos que em 2019) e 36.682 pessoas desembarcando (aproximadamente 203% a mais que em 2020 e 54% a menos que em 2019).

Para outros estados, as cidades mais procuradas este ano são: Rio de Janeiro, Cabo Frio, São Paulo, Campinas, Salvador e Brasília e Vitória. Em Minas Gerais, os destinos mais buscados são: Araçuaí, Governador Valadares, Teófilo Otoni, Nanuque, Conselheiro Lafaiete, São João del-Rei, Divinópolis, Ouro Preto e Juiz de Fora, além do Aeroporto de Confins.

Clique aqui e veja os dados detalhados dos dois anos anteriores e da previsão para este ano no período do Corpus Christi.

Orientações aos passageiros

Devido à pandemia, a Administração da Rodoviária de BH solicita a cooperação dos usuários no sentido de que apenas quem for viajar entre no Terminal durante este período. Após as 23h30, o acesso é restrito a usuários com passagens, com entrada concentrada entre as plataformas D e E.

As empresas de transporte têm adequado linhas de viagem e horários, sendo importante que o passageiro as consulte previamente para confirmar as viagens disponíveis. O uso de máscaras, durante toda a permanência no Terminal e no interior dos ônibus, também é imprescindível, assim como manter o distanciamento adequado.

A Rodoviária de BH tem adotado várias medidas preventivas e educativas, em alinhamento com as diretrizes legais e em favor do bem-estar dos usuários. Outras informações estão disponíveis em: www.rodoviariadebelohorizonte.com.br/noticias/nota-rodoviaria-de-bh-e-coronavirus.



Voltar

A Codemge informa seus parceiros dos desligamentos de José Randolfo Rezende Sant’Ana, da Diretoria de Patrimônio da Codemge, de Renato de Souza Costa, da Diretoria de Mineração, Energia e Infraestrutura da Codemge e da Diretoria de Mineração da Codemig, e de Rodrigo Montnegro Mesquita, da Diretoria de Administração da Codemge. Rodrigo permanece como Gerente da Unidade de Negócios da Codemge.

Os novos diretores, eleitos em reunião do Conselho de Administração, são: Bruno Estéfano Teixeira, para a Diretoria de Mineração, Energia e Infraestrutura da Codemge e Diretoria de Mineração da Codemig; Humberto Ribeiro Peixoto, para a Diretoria de Patrimônio da Codemge; e Mateus Ayer Quintela, para a Diretoria de Administração da Codemge e Diretoria de Administração, Finanças e Relações com Investidores da Codemig.



Voltar

A Codemge informa seus parceiros dos desligamentos, em 7 de maio de 2021, de Fábio Amorim da Rocha, da presidência da Codemge∕Codemig, e de Tadeu Barreto Guimarães, da Diretoria de Finanças, Administração e Relações com Investidores da Codemig e da Diretoria de Finanças e Investimentos da Codemge.   

O novo Diretor-Presidente, eleito em reunião do Conselho de Administração, é Thiago Coelho Toscano. A partir da presente data, responderá pelas Diretorias de Finanças, Administração e Relações com Investidores da Codemig e Diretoria de Finanças e Investimentos da Codemge o Diretor Eduardo Zimmer Sampaio.



Voltar